terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

ATOR DE SÃO GONÇALO É DESTAQUE NA NOVELA "O SÉTIMO GUARDIÃO"

Cauê Campos contracenando com as protagonistas Marina Ruy Barbosa e Lília Cabral - Foto: TV Globo 

Interpretando o papel de um garoto abandonado pela família e sem residência fixa, o ator gonçalense Cauê Campos tem ganhado cada vez mais destaque na novela "O Sétimo Guardião", da TV Globo.

Desde que seu personagem, Feijão, caiu em um buraco e foi parar numa fonte de água milagrosa (tema central da trama de Agnaldo Silva), o morador de São Gonçalo tem contracenado direto com os protagonistas da novela das nove. 

Para quem não sabe, Cauê Campos, que já havia se destacado também na novela "Lado a Lado" (2013), é irmão do ator Cadu Paschoal, que fez muito sucesso como dalit em "Caminho das Índias" (2009).

Como se vê, é uma família de puro talento. E não é à toa que São Gonçalo é considerada um grande celeiro de artistas.

E vale ainda destacar que hoje é o aniversário de Cauê Campos. O Território Gonçalense o parabeniza pelos seus 17 anos e lhe deseja muita saúde e sucesso em sua carreira!

Cauê Campos contracenando com um dos protagonistas de "O Sétimo Guardião", Bruno Gagliasso - Foto: TV Globo

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2019

PIADAS DE LÉO LINS COM SÃO GONÇALO SERVEM DE REFLEXÃO AO GONÇALENSE

Léo Lins contextualiza fatos históricos gonçalenses com eventos políticos e sociais contemporâneos - Fotos: Facebook / Léo Lins

Assim como faz em toda cidade onde apresenta seu stand up comedy 'Bullying Arte', Léo Lins - integrante do elenco do programa 'The Noite', de Danilo Gentili -  fez um vídeo com uma narrativa cômica sobre a história de Niterói (ver aqui), onde se apresentará no Teatro Abel nos próximos dias 16 e 17 de fevereiro. 

Mas sabendo que Niterói é vizinha, da não menos São Gonçalo, segundo maior município populacional do Estado do Rio, Léo também fez um vídeo contando a história de São Gonçalo. O comediante do SBT contextualiza alguns fatos históricos da cidade com referências políticas e sociais contemporâneas. 

As piadas  gonçalenses de Léo Lins nos servem para refletir sobre a realidade do nosso município, que embora tenha uma linda e rica história, lamentavelmente, se encontra descaracterizado e desvalorizado. O fato é que precisamos refletir que futuro queremos para São Gonçalo. Assista abaixo ao vídeo: 


domingo, 10 de fevereiro de 2019

ESTADO DIVULGA 1.221 VAGAS DISPONÍVEIS NO SINE-RJ



O Sistema Nacional de Empregos (Sine-RJ), em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego e Renda, está com inscrições abertas para 1.221 vagas de trabalho com carteira assinada em várias regiões do estado. São 747 oportunidades na Capital, 103 na Região Metropolitana, 40 na Região Serrana e oito no Médio Paraíba. Portadores de deficiência contam com 323 ocupações disponíveis. Os salários podem chegar a até R$ 2 mil. As oportunidades exigem formação entre os ensinos Fundamental incompleto e Médio completo.

As atividades com mais opções na capital são: operador de telemarketing receptivo, com 161 colocações, Vendedor Externo com 130 e Motorista de ônibus Urbano com 100. Na Região Metropolitana, o destaque é para Vendedor Pracista, com 85 oportunidades. Já na Região Serrana, a ocupação com mais vagas é a de Auxiliar de Linha de Produção, com 20 inscrições.

Das 323 vagas para deficientes, 82 são para repositor, 50 para empacotador e 40 para operador de caixa. Existem ainda 10 oportunidades para Fiscal de Loja, 10 para Operador de Câmara Fria e 10 para vendedor no comércio, entre outras.

As unidades do Sistema Nacional de Empregos (Sine-RJ) não recebem currículos. A inscrição para se candidatar às vagas coletadas pela secretaria tem que ser feita nos postos Sine/SEDEGER. Ao se dirigir a uma unidade para se candidatar, o trabalhador deve verificar se o perfil que tem cadastrado no sistema é compatível com a oportunidade existente. O interessado também tem como alternativa se candidatar e verificar as oportunidades disponíveis por meio do aplicativo Sine Fácil ou pelo site Emprega Brasil.

Clique aqui e veja o Sine-RJ no mapa do estado.

sábado, 2 de fevereiro de 2019

DEPUTADO GONÇALENSE DO PSB, RENAN FERREIRINHA DIZ QUE NÃO É DE ESQUERDA

Renan Ferreirinha (PSB) - Foto: Thiago Lontra / Agência O Globo

Em entrevista ontem (01/02) ao jornal O Globo, após a cerimônia de posse na Alerj, o deputado gonçalense Renan Ferreirinha, filiado ao Partido Socialista Brasileiro (PSB), disse que não se classifica como um político de esquerda. E nem de direita.

— Sou fundador do movimento Acredito. Nosso manifesto é para além da direita e da esquerda. Não uso um termo que, para mim, se perdeu no século passado. Quando a questão é econômica, trabalho com números. Por exemplo: Reforma da Previdência. Não é uma questão ideológica, é uma questão aritmética. Se a conta fecha, ok. Se não fecha, precisa ser discutida. 

Entendo que o deputado Renan Ferreirinha queira ficar longe da polarização entre esquerda e direita. No entanto, é fato que ele é um esquerdista, pois está filiado a um partido de esquerda.

Para estar coerente com sua visão política, nem de esquerda nem de direita, era melhor, então, que ele estivesse filiado a um partido de centro. 

domingo, 27 de janeiro de 2019

COLÉGIO EM SG VIRA PONTO DE COLETA DE DOAÇÕES PARA BRUMADINHO


Os estudantes do Grêmio Estudantil do CIEP 309 Zuzu Angel, no bairro Arsenal, em São Gonçalo, criaram um ponto de recolhimento de doações para os atingidos pela tragédia do rompimento da barragem na cidade mineira de Brumadinho, conforme está sendo amplamente divulgado pela imprensa. A intenção do grupo é tornar o colégio ponto de coleta das doações na cidade, mobilizando moradores da região.

Com o rompimento da barragem da empresa Vale, os bombeiros afirmaram que 3 milhões de metros cúbicos de rejeitos vazaram, o mar de lama destruiu uma comunidade, já são vários feridos, pessoas internadas e mais de 200 desaparecidos. Pessoas por todos os lados do Brasil estão se mobilizando para enviar doações à cidade mineira.

SAIBA COMO DOAR

Os itens de maior necessidade no momento são: água, produtos de higiene pessoal, roupas e alimentos não perecíveis. As pessoas interessadas podem levar os itens até o CIEP 309 Zuzu Angel, que fica na Rua Clodomiro Antunes da Costa, no bairro Arsenal, em São Gonçalo. Todas as pessoas que queiram ajudar podem levar as doações durante todos os dias da semana.

quarta-feira, 23 de janeiro de 2019

CITADO PELO COAF, NANCI DIZ "ESTAR TRANQUILO EM RELAÇÃO À INVESTIGAÇÃO DO MPRJ"

Prefeito José Luiz Nanci - Foto: Divulgação

O prefeito de São Gonçalo, José Luiz Nanci, que teve seu nome citado em um relatório de movimentações suspeitas do Coaf enviado ao MPRJ, em junho do ano passado (ver aqui), disse em nota à imprensa que está "tranquilo em relação à investigação". E afirmou ainda "estar  à disposição do Ministério Público para esclarecer qualquer dúvida possível".

O Coaf aponta a movimentação de R$ 87 mil nas contas de Nanci e de servidores que trabalhavam em seu gabinete, na época em que ele era deputado estadual.  

Sobre detalhes do processo, o MPRJ declara que “Todos os processos estão, no momento, sob sigilo”. 

Fonte: O Fluminense

segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

COAF APONTA MOVIMENTAÇÕES SUSPEITAS DE NANCI

José Luiz Nanci foi deputado estadual entre 2011 e 2016 - Foto: Alerj

O nome do ex-deputado estadual e atual prefeito de São Gonçalo, José Luiz Nanci (PPS), foi citado em um relatório do Conselho de Controle de Atividade Financeiras (Coaf), em que aponta operações atípicas realizadas por 21 deputados e seis ex-deputados da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

No relatório enviado ao Ministério Público-RJ, em junho do ano passado, Nanci aparece com movimentações suspeitas no valor de R$ 87 mil. A informação é do jornal Estado de São Paulo desta segunda-feira (21/01). 

O Estadão entrou em contato com a assessoria de comunicação do prefeito, mas ele não foi localizado para dar explicações sobre o caso. Saiba mais detalhes da matéria aqui.

Confira abaixo as movimentações suspeitas dos 27 deputados apontados pelo relatório do Coaf:


*Coaf não deixa claro se o valor é de movimentações nas contas do próprio deputado ou, também, de outras pessoas ligadas a ele

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

BLOG TERRITÓRIO GONÇALENSE FAZ 10 ANOS E, LAMENTAVELMENTE, NÃO TEM O QUE COMEMORAR EM SÃO GONÇALO

Igreja Matriz São Gonçalo do Amarante - Foto: Vagner Rosa

Olá, seguidores e leitores eventuais do Blog Território Gonçalense!

É com muita satisfação e alegria que informo a vocês que o Blog Território Gonçalense está completando hoje 10 anos de existência. 


Criei este canal de comunicação em 15 de janeiro de 2009 com o objetivo de engrandecer e promover a autoestima dos gonçalenses que, até então, não havia no município nenhum blog ou site para defender e mostrar um outro lado de São Gonçalo, diferente daquele que é sempre mostrado de forma negativa na grande mídia.

Durante esses 10 anos no ar, vale ressaltar que o blog não só defendeu São Gonçalo como também promoveu diversos debates polêmicos sobre temas importantes da cidade ligados à política, cultura e comportamento. Alguns, mais acalorados; outros, mais brandos. Contudo, sempre correspondendo as nossas expectativas, ou seja, de fazer o gonçalense refletir e debater seriamente São Gonçalo.

Não são 10 dias ou 10 meses. Foram, até aqui, 3.650 dias de observações constantes, de pesquisas, de estudos e análises sobre a política, a cultura, a economia e a população de São Gonçalo.  Foi uma imersão total na história e contemporaneidade de São Gonçalo para levar ao gonçalense um pouco mais de informação relevante de sua cidade.

E agora, fazendo um balanço geral, em virtude dos 10 anos do blog, e sem querer ser pessimista, lamentavelmente, não temos nada especial a comemorar desse período no que diz respeito ao progresso de São Gonçalo. Infelizmente,  o nosso município não vivenciou um progresso significativo. 

Todavia, isso não significa que não houve nenhum avanço. Não quero cometer uma desonestidade intelectual. Reconheço que a São Gonçalo de hoje é um pouco mais diferente daquela quando o blog foi criado, em 2009. 

Várias ruas de diversos bairros foram pavimentadas e o município viu o movimento de seu mercado consumidor aumentar:  ganhou mais dois shoppings (Boulevard, atualmente Partage, e o Pátio Alcântara) e mais dois grandes hipermercados (Guanabara e Atacadão). Ou seja: o município teve um certo avanço, mas ainda tímido diante da grandeza e necessidades de São Gonçalo.

Também sou consciente de que a paralisação das obras e a alteração do projeto inicial do Comperj (o empreendimento de Itaboraí não será mais um complexo petroquímico, mas apenas uma pequena refinaria), a crise do Estado do Rio e a crise econômica no país, nos últimos três anos, frustraram investimentos na cidade.

Contudo, esses contratempos citados acima não eximem de responsabilidade os políticos locais pela estagnação de São Gonçalo. Para a nossa população (estou sempre atento às conversas de populares nas ruas, bancos, supermercados, ônibus e bares), a classe política gonçalense é omissa em relação aos problemas do município. Por conta disso, muitos gonçalenses estão desacreditados e, lamentavelmente, sonham em se mudar daqui. 

Além da frustrante constatação de que São Gonçalo não progrediu significativamente nos últimos 10 anos, o que mais me entristece é observar esse forte sentimento de baixo autoestima presente na nossa população que, a meu ver, não está relacionado apenas ao atraso político da cidade, mas também ao desconhecimento do povo sobre a história do município e do potencial das terras gonçalenses. Como valorizar algo que não conhece? Complicado, não é mesmo?

Como pode observar, infelizmente, não há o que comemorar em São Gonçalo em relação aos seus últimos 10 anos.

Mas, longe de mim ser pessimista... assim como aconteceu com sua criação em 2009, e já se foram 10 anos, o Território Gonçalense não vai desistir de São Gonçalo: continuará produzindo conteúdos que promovam a reflexão e um conhecimento maior sobre São Gonçalo. O nosso objetivo principal é e sempre será o de engrandecer o nosso querido município! 

Que venham mais 10, 20, 30, 40, 50 anos...

E muitíssimo obrigado pela sua audiência!!!

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

INFORMAÇÕES DESENCONTRADAS SOBRE PESTE BUBÔNICA EM SG DEIXAM A POPULAÇÃO APREENSIVA

Postagens dos jornais O Dia e O Fluminense com informações divergentes sobre a peste bubônica em São Gonçalo - Fotos: Reprodução

Informações desencontradas sobre a suspeita de peste bubônica em uma paciente internada no Hospital Luiz Palmier têm deixado a população gonçalense apreensiva. 

Ora, um jornal publica que a suspeita da doença foi confirmada (veja aqui), ora outro jornal informa que o resultado do exame da paciente deu negativo (veja aqui), mas que ainda falta uma contraprova, e de que não há previsão para o resultado. E nesse vai e vem de desencontros, em busca de mais informações na fonte (Ascom), várias pessoas reclamaram nas redes sociais que o site da Prefeitura tem estado fora do ar. 

O fato é que a peste bubônica, também conhecida como peste negra, dizimou milhões de pessoas na Europa, entre os anos de 1347 e 1351 (veja aqui). Portanto, é mais que compreensível que a população esteja preocupada com essa doença na cidade.

Em sua página no Facebook, agora à noite, o prefeito José Luiz Nanci publicou um comunicado sobre a suspeita da doença em São Gonçalo. 

Mas, embora o Ministério da Saúde tenha informado que a bactéria encontrada na paciente não está relacionada à peste bubônica, é importante que os gonçalenses estejam atentos até o resultado final do outro exame. Confira as causas e os sintomas da doença aqui