sábado, 12 de janeiro de 2013

São Gonçalo: mais de 1 milhão de habitantes recebe tratamento indigno


20 ambulâncias abandonadas no galpão da PMSG e apenas oito funcionando em condições precárias para atender mais de 1 milhão de gonçalenses - Foto: Julio Silva/O Fluminense

Durante toda essa semana que passou, São Gonçalo foi destaque em todos os jornais cariocas e na TV (em rede nacional), por conta do caos na saúde pública do município.

A cada nova informação que vinha à tona sobre o estado lastimável em que o novo prefeito encontrou os hospitais, mais estupefatas e indignadas as pessoas ficavam com a forma como o governo passado administrava a saúde gonçalense.

E novos fatos ultrajantes não param de chegar ao conhecimento do público.

Depois de O Globo destacar, ontem (11/01), numa matéria que o município de mais de 1 milhão de habitantes só tem um neurocirurgião (ver AQUI), hoje, foi a vez de O Fluminense publicar que a segunda cidade mais populosa do estado conta apenas com oito ambulância para atender a sua enorme população.

Segundo ainda a matéria, 20 ambulâncias se encontram abandonadas no galpão da Prefeitura de São Gonçalo, e as oito que estão circulando precisam urgentemente de manutenção.

“Trabalho há 17 anos em São Gonçalo e vou dizer que a gente só trabalha por amor, porque se não fosse assim teríamos desistido. Os carros estão praticamente sem freios, colocando a nossa vida em risco. Essa administração que passou deixou nossa situação assim. Se hoje o nosso quarto tem uma televisão e geladeira, é porque fizemos uma vaquinha e compramos, porque nem isso a Aparecida Panisset (ex-prefeita) fez”, disse o motorista de ambulância Alexandre Ribeiro.

Veja outros relatos sobre a triste situação da saúde de São Gonçalo, clicando AQUI.



2 comentários:

  1. Alessando De Oliveira12 de janeiro de 2013 21:50

    Toda vez que vejo o nome de São Gonçalo sobre o problema da saúde já fico imaginando qual será a próxima bomba, porque agora é assim só bomba que ficamos sabendo da turminha que dominou a nossa cidade por 8 anos. Que essa gente não volte nunca mais ao poder. Deus é grande e eu acredito nele!

    ResponderExcluir
  2. Imaginem se o Konder tivesse sido eleito, jamais saberíamos destes podres que estão vindo a tona agora. E até agora, Justiça e Tribunal de Contas não se manifestam!

    ResponderExcluir